You are here

Atualidade

AFP se destaca em prestigiosas premiações do fotojornalismo mundial

World Press Photo 2012 e Pictures Of The Year International, consagram quatro fotógrafos da agência.

16/04/2011 - Otsuchi, Japão -  AFP / Yasuyoshi Chiba

 

O fotógrafo da Agence France-Presse Yasuyoshi Chiba foi premiado com o primeiro lugar na categoria “People of the News” do World Press Photo 2012, o mais prestigioso concurso do fotojornalismo mundial. O prêmio foi concedido graças à série de fotografias sobre o terremoto e o tsunami que atingiram o Japão há quase um ano. Chiba, que ocupava um posto em Nairóbi em março de 2011, foi deslocado para seu país natal como reforço na cobertura da catástrofe. Hoje ele está baseado em São Paulo.

 

06/12/2012 - Cabul, Afeganistão - AFP / Massoud Hossaini

 

Correspondente da AFP em Cabul desde 2007, Massoud Hossaini ganhou o primeiro prêmio da categoria “Spot News” da 69ª edição do Pictures of the Year International (POY), um dos concursos mais prestigiosos de fotografia nos Estados Unidos. A foto laureada mostra uma menina vestida de verde aos prantos entre as vítimas de um atentado em Cabul no dia da Ashoura, em seis de dezembro de 2011. Aos 30 anos de idade e de origem afegã, Hossaini se encontrava a poucos metros de um santuário xiita, palco de uma explosão que matou 80 pessoas e deixou 150 feridos. A foto também rendeu ao profissional o segundo prêmio da categoria “Spot News” do World Press Photo 2012.

 

27/02/2011 – Atenas, Grécia – AFP / Louisa Gouliamaki

 

Baseada em Atenas, Louisa Gouliamaki ganhou o segundo prêmio do POY na categoria “General News”, concedido pela foto de uma criança transferida de Bengazi, na Líbia, chegando à Grécia a bordo de uma embarcação.

 

09/01/2011 – Acapulco, México – AFP / Pedro Pardo

 

Pedro Pardo, correspondente da AFP em Acapulco, recebeu um prêmio por excelência na categoria “Spot News” pela foto “Violência em Acapulco”. A fotorreportagem que inclui esta imagem já havia sido premiada no Prix Bayeux-Calvados, para correspondentes de guerra, em outubro de 2011. Uma destas fotografias foi selecionada pela Time Magazine como uma das melhores fotos de 2011. Pardo também foi premiado com o terceiro lugar na categoria “Contemporary Issues” do World Press Photo 2012.

 

Com mais uma demonstração de adaptação e reação infalíveis, a AFP é testemunha de uma atualidade de densidade excepcional, por vezes dramática. Com coragem e profissionalismo, fotógrafos, repórteres e todos os colaboradores da Agência continuam contribuindo com seu talento a serviço da informação”, declarou Emmanuel Hoog, CEO da AFP.

 

O serviço internacional de fotos da AFP cobre a atualidade mundial 24h por dia, graças à sua rede de 500 fotógrafos. Mais de 2.500 novas fotos são transmitidas todos os dias.